top of page

NOTÍCIAS

Buscar

NOTA DE APOIO ÀS REIVINDICAÇÕES DOS POLICIAIS PENAIS FEDERAIS

A Associação dos Policiais Penais do Brasil - AGEPPEN-BRASIL, entidade que representa a voz e os interesses dos Policiais Penais em todo o território nacional, vem a público manifestar seu pleno apoio às reivindicações dos Policiais Penais Federais, as quais consideramos de extrema importância para a valorização da categoria e para a eficiência do sistema prisional brasileiro.


As principais demandas, que incluem a criação de uma nova matriz de vencimentos simetricamente salarial com as demais polícias da União, refletem a necessidade de reconhecimento da complexidade e da relevância das funções desempenhadas pelos Policiais Penais Federais. Entendemos que uma remuneração justa é fundamental para a motivação e a retenção de profissionais qualificados, além de ser um direito legítimo que assegura a paridade dentro das forças de segurança federais.


Além disso, apoiamos firmemente a reivindicação para que o ingresso na carreira de Policial Penal Federal exija nível superior, uma medida que está em consonância com a complexidade do cargo e o nível de atribuições exigidas. A implementação dessa exigência é um passo crucial para a profissionalização e a especialização da categoria, garantindo que os profissionais estejam adequadamente preparados para os desafios inerentes à função.


A AGEPPEN-BRASIL reconhece que essas mudanças são essenciais não apenas para a dignidade e o respeito aos Policiais Penais Federais, mas também para a promoção de um sistema prisional mais seguro, eficaz e humano. Por isso, conclamamos as autoridades competentes a considerarem seriamente essas reivindicações e a estabelecerem um diálogo construtivo com o objetivo de atendê-las.


Reiteramos nosso compromisso em apoiar os Policiais Penais Federais em suas lutas e nos colocamos à disposição para contribuir com o avanço das negociações, sempre visando o bem-estar da categoria e a melhoria da segurança pública em nosso país.

Juntos, somos mais fortes na busca por condições justas e pelo reconhecimento merecido aos que dedicam suas vidas à proteção da sociedade.




0 comentário

Comments


bottom of page