top of page

NOTÍCIAS

Buscar

JUNTOS POR UMA POLÍCIA PENAL MAIS FORTE EM TODO O BRASIL.




Uma rebelião na Penitenciária Central do Estado (PCE), iniciada em 13/11/89, marcou a história da organização sindical dos trabalhadores penais no Paraná. A intervenção armada que pôs fim ao movimento dos presos também interrompeu a vida do agente penitenciário Adalberto Gomes da Silva.


Naquele momento, a categoria percebeu que chegava a hora de se unir por mais segurança e melhores condições de trabalho. Após a tragédia, foi fundado o Sindicato dos Agentes Penitenciários no Paraná (SINDARSPEN).


Em quase 30 anos de história, a entidade se consolidou como um dos mais combativos sindicatos do Paraná e um dos mais fortes sindicatos do sistema penal no Brasil.


Hoje, o SINDARSPEN tem uma das maiores representações sindicais do país, com mais de 2900 filiados entre os 3.400 policiais penais de carreira, representando mais de 90% da categoria.


A vitória no Paraná pela aprovação da PEC recepcionando a Polícia Penal e a criação do Quadro Próprio da Polícia Penal, transformando os ex- Agentes Penitenciários em Policiais Penais, a promoção este ano para um pouco mais de 1300 Policiais Penais, ou seja, mais da metade dos efetivos sendo promovidos, a escala de serviço, a conquista do auxílio-alimentação e tantas outras conquistas essenciais na qualidade de vida dos Policiais Penais no estado existem graças à luta do SINDARSPEN.


Uma luta repleta de sonhos, coragem e união.


Também, a entidade ocupa espaços que possam ecoar as necessidades dos policiais penais em busca de apoio às lutas, como o Fórum de Entidades Sindicais e da União dos Servidores das Forças de Segurança do Paraná (UFS).


A AGEPPEN-BRASIL parabeniza o SINDARSPEN pela trajetória de sucesso, marcada pela superação, dedicação e pelo compromisso. Que essa parceria se fortaleça cada vez mais. Seguiremos firmes na luta por um sistema penitenciário mais justo e humano.



Polícia Penal forte, o Brasil quer e precisa!

0 comentário

コメント


bottom of page